As práticas de ligação com a natureza são formas simples de despertar a nossa capacidade inata, empática e natural de estarmos na natureza.

Elas conectam-nos com o nosso ritmo habitat natural. Através de práticas de observação repetidas e contínuas do meio natural e das inter-relações que nele existem, utilizando todos os sentidos, temos a oportunidade de nos sintonizar com a frequência e ritmo do mundo natural devolvendo-nos o nosso tão necessário sentido de pertença a este planeta ao qual chamamos casa.

Atenção e Consciência Sensorial +

Trazer a nossa atenção à nossa consciência sensorial do momento presente e a atenção à simples fascinação permite-nos afastar os padrões cíclicos e entorpecedores do pensamento, comportamento e percepção o que por sua vez nos dá novas possibilidades de interação e ligação com o mundo à nossa volta.

Os seres humanos são da natureza, adaptamos-nos a ela ao largo de milhões de anos de evolução +

Ao longo da história, os seres humanos passaram mais de 99,99% do seu tempo em ambientes naturai. Os nossos corpos adaptaram-se à natureza ao largo de milhões de ano de evolução tornado o Homem um ser da Natureza. O primeiro registo do Homo Sapiens no planeta data de cerca de 200,000 anos atrás, onde os nossos ancestros viviam imersos no mundo natural. Foi apenas desde a Era Agrária ou Revolução Neolítica a alguns 12,500 anos atrás que os humanos formaram assentamentos abandonando o seu estilo de vida de caçador colector. E mais recentemente, desde a revolução industrial há 250 anos atrás que as cidades em todo o mundo aumentaram a sua densidade populacional a nossa ligação com a natureza diminui enormemente.

Como é que esta enorme mudança no nosso estilo de vida no ambiente que nos rodeia nos afecta?

“Involuntary attention requires no mental effort, it just comes naturally. This is the kind of attention we use when we are in nature. The soothing sights and sounds give our mental resources a break. They allow our minds to wander and to reflect, and so restore our capacity to think more clearly.”

 

Stephen Kaplan

Quando estamos na natureza sentimos-nos bem e relaxados +

O corpo humano (e os genes humanos) evoluíram numa ligação próxima com a natureza e adaptada a ela. Será por isso que estar na natureza nos deixa relaxados e a sentirmos-nos bem? Um lugar onde realmente nos sentimos um casa? O etmologista Edward O. Wilson que propôs a Teoria da Biofilia sugere que os seres humanos possuem uma tendência inata para procurar ligações com a natureza, definindo a Biofilia como uma vontade de nos afiliarmos a outras formas de vida.

Ao longo destas últimas 10 gerações e por vivermos confinados em selvas de betão, perdemos a nossa capacidade de nos ligarmos à natureza e ficamos distantes dela. Através de práticas simples sensoriais e de observação conseguimos aprofundar a nossa experiência de estar na natureza e de colher os benefícios que ela nos proporciona. Alguns exemplos de práticas de ligação com a natureza incluem:

  • – Sit Spot – Estar sentado quieto e em silêncio num lugar na natureza durante um determinado período de tempo, ligando-nos aos nossos sentidos e simplesmente estar.
  • – Deambular – Passeios suaves através de trilhos na natureza mantendo-nos presentes em cada momento, em cada passo
  • – Observação da vida – Observação das inter-relações que existem entre todos os seres que nos rodeiam num espaço natural.

A comunidade científica está a ganhar interesse nos benefícios para a saúde da práctica de ligação consciente à natureza e como forma parte da nossa saúde integral. Com um aumento alarmante na incidência de casos de doenças não-comunicáveis, os profissionais de saúde estão a olhar com maior atenção para o impacto positivo que estas práticas de ligação com a natureza oferecem.

Estudos científicos recentes sugerem que as práticas de ligação com a natureza são fundamentais para o nosso bem estar e autoridades importantes como a Organização Mundial de Saúde na Europa publicaram um relatório que defende esta importância.
VER AQUI

RENATURE © Copyright 2018- 2020 - by DCC - digital community creators